AGU derruba liminar que proibiu leilão de distribuidoras da Eletrobras

AGU derruba liminar que proibiu leilão de distribuidoras da Eletrobras

A Advocacia-Geral da União (AGU) informou hoje (11) que conseguiu derrubar na Justiça do Rio de Janeiro a decisão que impediu o leilão de seis distribuidoras da Eletrobras.

Na semana passada, o leilão foi suspenso por decisão da juíza Raquel de Oliveira Maciel da 49ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro, na última terça-feira (5), no âmbito de uma ação civil pública movida por sindicatos de trabalhadores.

Ao recorrer da decisão, na segunda instância da Justiça do Trabalho do Rio, a AGU afirmou que se o leilão não foi realizado até 31 de julho, a Eletrobras seria obrigada a liquidar as distribuidoras, fato que seria mais prejudicial aos trabalhadores.

A advocacia também afirmou que os direitos dos empregados das distribuidoras estão garantidos pela lei trabalhista e não serão afetados pelo processo de desestatização.

“Claro está que o legislador cuidou de ponderar a possibilidade de alteração do controle acionário das empresas, garantindo aos trabalhadores a preservação dos direitos previstos em normas coletivas e nos contratos de trabalho”, defendeu a AGU.

Você pode gostar também

Limeira

Abrinq premia Hadich por ações em benefício das crianças e adolescentes

O prefeito Paulo Hadich recebeu nesta quarta-feira (22), o prêmio Prefeito Amigo da Criança, da Fundação Abrinq, como reconhecimento pelas ações desenvolvidas em sua gestão que melhoraram a vida das

Limeira

Contra o crime, Limeira implanta Detecta e integra Muralha Digital com SP

Convênio firmado entre a Prefeitura de Limeira e o governo de São Paulo integrará a Muralha Digital com o sistema Detecta, que concentra todas as informações criminais do Estado. A

Limeira

Limeira recebe certificado por participação no Dia do Desafio

Limeira recebeu na semana passada um certificado pela participação na edição 2015 do Dia do Desafio. A entrega do certificado à Prefeitura de Limeira ocorreu durante o Encontro Regional do

Deixe seu comentário