Andaime Teatro Unimep apresenta em Limeira a peça “Lugar onde o peixe pára”

O grupo Andaime Teatro Unimep levará ao público limeirense, no próximo domingo (12), a peça “Lugar onde o peixe pára”, em comemoração aos 30 anos de atividade da companhia. A peça virá a Limeira pelo Proac Circulação, da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, em parceria com a Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Cultura do município. O espetáculo será as 19h, no Teatro Vitória, com entrada franca.

“Lugar onde o peixe pára” estreou em 1996, com roteiro e direção de Carlos ABC. A peça retrata o universo caipira, evidenciado os mitos que permeiam e compõem o cotidiano das pessoas que habitam as margens do rio Piracicaba. A montagem mescla recursos cênicos com elementos autênticos do folclore e da cultura popular. A lenda do rio é usada como fio condutor, mas também estão presentes a Festa do Divino, o Cururu, as piadas de pescador, a pamonha, e os mitos “Nhala Seca” e o “Turco que come crianças”.

O espetáculo já foi visto em mais de 35 cidades de cinco Estados brasileiros e já foi encenada na Itália, em 1999, no Teatro Comunale di Tesero, Região de Trento. Nessa nova montagem, a peça já percorreu as cidades de Paraguaçu Paulista, São Pedro, São José dos Campos, Suzano, Presidente Prudente, Bebedouro, Piracicaba, São Paulo e Franco da Rocha.

Histórico
O grupo Andaime Teatro Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba) foi fundado em março de 1986 e, na época, contava com quatro integrantes. Segundo o ator da companhia, que coordena o Setor de Teatro da Unicamp, Antônio Chapéu, foi um período político ‘difícil’, marcado pela transição da Ditadura Militar para o regime democrático. “Alguns professores haviam sido perseguidos e presos. A Unimep tinha um posicionamento contrário à Ditadura e participou ativamente do movimento pelas Diretas Já”, afirmou.

Foi nesse contexto que o Andaime consolidou-se como importante produtor cultural do interior paulista. “O nome ‘andaime’ apresenta a perspectiva de um núcleo de teatro em construção, que está em constante crescimento”, frisou. Em 30 anos de história, encenou 14 peças e recebeu 120 prêmios, sendo 48 em decorrência da peça “Lugar onde o peixe pára”.

Em 2006, realizou uma turnê por quatro Estados americanos, com o espetáculo “O Segredo do Café com Biscuit”, nas cidades de Pulaski – Tenessee, Poultney – Vermont, New York City, NY e Marietta – Ohio. Recentemente o grupo realizou uma parceria com a Cia Contraponto de São Paulo e Coletivo Cascina Barà da Itália para a montagem da peça “O Anjo da história” com direção do italiano Pietro Floridia.

Você pode gostar também

Variedades

Consumo de vinho cresce no país da caipirinha

O Brasil é conhecido mundialmente pela sua tradicional caipirinha, mas por aqui o vinho vem ganhando cada vez mais espaço na mesa dos brasileiros. Segundo o Instituto Brasileiro do Vinho

Variedades

Mostra une fotografia e poesia em narrativa simbólica do homem contemporâneo

Fotografia e poesia se unem em uma exposição que integra a programação da edição 2015 do Foto Rio, grande evento anual da arte fotográfica no Rio de Janeiro. A mostra

Variedades

Obama compartilha as música que mais gosta de ouvir

Já parou para pensar em que músicas um dos maiores líderes do mundo ouve quando tem um tempinho livre? Pois o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, divulgou sua lista

Deixe seu comentário