Após greve, transporte público sofrerá reajuste

A greve do transporte público em Limeira terminou nesta terça-feira (31) por volta das 14h, quando os funcionários da Viação Limeirense retornaram ao trabalho. Eles paralisaram as atividades as 5h30.

Em nota emitida a prefeitura afirma que negociação poderia ter sido feita sem a necessidade da paralisação iniciada de forma prematura nesta manhã.

Segundo o secretário de Mobilidade Urbana, Sebastião de Souza, em março a Viação Limeirense solicitou o reajuste na tarifa e desde então a administração pública vem fazendo simulações para resolver de quanto seria esse aumento, que deve entrar em vigor ainda esta semana.

Souza comenta que em maio acontece a negociação patronal e sindical, na qual a prefeitura não pode interferir. O secretário esteve com os motoristas na greve e disse que tinha interesse que a paralisação acabasse logo, pois a população estava sendo prejudicada. “A paralisação não interferiu em nada nos estudos sobre o reajuste. Foi uma coincidência dessa parada dos motoristas com o reajuste da tarifa, que está dentro do prazo”, comentou Souza.




Você pode gostar também

Limeira

Temer defende parceria da União Europeia com o Mercosul

Em discurso aos chefes de Estado na Cúpula do Mercosul, hoje (18), em Assunção (Paraguai), o presidente Michel Temer disse que o bloco sul-americano precisa avançar cada vez mais rumo

Limeira

Pátio Limeira Shopping recebe exposição “O Cimento Bento”

Sempre pensando em valorizar a cultura regional, chega ao Pátio Limeira Shopping a exposição “O Cimento Bento”. O projeto liderado pelos artistas plásticos Renato de Pinho e Eduardo Trova traz

Limeira

Campanha marca o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil

Hoje (12), no Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil, o Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (FNPETI) lança a campanha Não proteger a infância é condenar o

Deixe seu comentário