Assalto em Araçatuba termina com um policial morto

Assalto em Araçatuba termina com um policial morto

Uma pessoa morreu e duas ficaram feridas em um assalto na madrugada de hoje (16) contra a base operacional da empresa de valores Protege, em Araçatuba, no interior paulista. A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo ainda não divulgou as informações sobre o caso, que envolveu uma quadrilha fortemente armada, provocando pânico na população.

Segundo a Santa Casa de Misericórdia da cidade, duas moradoras das proximidades – atingidas por tiros – foram atendidas durante a madrugada e liberadas logo após serem medicadas.

Uma delas levou um tiro no pé e a outra foi ferida de raspão por estilhaços. Já o policial André Luis Ferro da Silva, de 37 anos, foi morto e seu corpo será velado agora à tarde, na Capela da Saudade. Na ação, os criminosos usaram explosivos contra o prédio da empresa e, para evitar a ação da polícia, bloquearam a saída de viaturas do quartel da Polícia Militar, com veículos aos quais atearam fogo.

Procurada pela Agência Brasil, a Protege não revelou se os bandidos conseguiram fugir com dinheiro e por meio de nota, disse apenas que seus funcionários estavam em segurança e que “a empresa está colaborando com as autoridades na investigação em curso”.

Você pode gostar também

Polícia

Adolescente envolvido em estupro coletivo é morto em centro de detenção no Piauí

Um dos quatro menores envolvidos no estupro de quatro meninas na cidade de Castelo do Piauí, a 190 quilômetros de Teresina, foi morto na madrugada de hoje (17) dentro do

Polícia

36º Batalhão de Polícia Militar recebe novos policiais

O 36º Batalhão de Polícia Militar do Interior recebeu na sexta-feira(18), 40 policiais militares para atuarem na cidade de Limeira e região. Eles irão cumprir o Patrulhamento Ostensivo Preventivo Fardado,

Polícia

Academia forma vigilantes para segurança privada

A Academia Monte Castelo formou no dia 11 de setembro 25 novos vigilantes e outros 11 profissionais que fizeram o curso de reciclagem. Há um ano no mercado, a escola

Deixe seu comentário