Audiência da Saúde indica aumento de exames; dengue cai 88%

A Secretaria de Saúde de Limeira fez a prestação de contas relativas ao primeiro quadrimestre desde ano (janeiro a abril). O evento ocorreu em Audiência Pública realizada nesta quarta-feira (31), na Câmara Municipal, atendendo ao princípio da transparência preconizado por legislação federal. Exames laboratoriais aumentaram, enquanto incidência de dengue apresentou redução.

De acordo com o balanço, o número de exames realizados pelo Centro Municipal de Patologia Clínica cresceu 74%. Foram 297.735 exames coletados neste ano, contra 170.852 no mesmo período do ano passado. Segundo a coordenadora do laboratório, Marisa Lang, o crescimento relaciona-se à da queda do poder aquisitivo da população. “Os pacientes migraram da rede particular para o SUS”. Ela ressaltou, ainda, que toda a demanda foi atendida graças ao empenho dos funcionários e aos equipamentos de qualidade. “Trabalhamos com tecnologia de ponta.”

Os dados também demonstraram aumento de 11% no volume de consultas de clínica geral nos Centros de Saúde da Família. Foram 40.389 pacientes atendidos nos primeiros quatro meses deste ano, contra 36.337 no mesmo período do ano passado. A tendência foi observada nas consultas de ginecologia, com 6.465 neste ano e 4.840 em 2016 (aumento de 33%). Já as consultas de pré-natal mantiveram-se praticamente inalteradas, com 3.140 neste ano e 3.043, aumento de 3%.

DENGUE
Outro aspecto significativo foi a redução da incidência de dengue na cidade. A Vigilância Epidemiológica registrou 11 casos de dengue, contra 95 contabilizados no mesmo período de 2016, uma redução de 88%. O resultado positivo está, em parte, ligado ao trabalho preventivo para controle da dengue, realizado pelo Centro de Controle de Zoonoses em imóveis comerciais e residenciais da cidade. Os agentes visitaram de janeiro a abril, 56.929 endereços, contra 21.315 no mesmo período do ano passado, um aumento de 167%.

Atendendo à determinação do prefeito Mário Botion, houve também a intensificação da vistoria de pontos considerados estratégicos em razão da pré-disponibilidade de materiais para o surgimento de criadouros. Foram 1.060 locais fiscalizados pelos agentes, número 63% superior ao ano passado, quando o município registrou 648 visitas. Quanto aos imóveis especiais (com grande aglomeração de pessoas), houve 219 visitas neste ano e 150 no ano passado – crescimento de 46%.

Você pode gostar também

Limeira

Seminário destaca importância do alimento “vivo” na saúde

O Seminário Limeira Veg reuniu interessados na filosofia e alimentação vegana, proteção animal, alimentação orgânica e produção também orgânica na tarde sábado no Teatro Nair Bello, no Parque Cidade de

Limeira

Linha de ônibus chegará ao condomínio Terras de São Bento

A Secretaria de Mobilidade Urbana informou por meio de nota que a partir desta quinta-feira (1º), a linha 4 Olga Veroni / Jd. Vanessa irá atender a região do condomínio

Limeira

Luiz Biajoni ministra oficina de escrita neste sábado

A Biblioteca Municipal Professor João de Sousa Ferraz recebe neste sábado (10), das 14h às 17h, a oficina “Escrever, Editar, Publicar”, com o jornalista e escritor Luiz Biajoni. A atividade

Deixe seu comentário