Aviação doméstica perde 3,2 milhões de passageiros em cinco meses

Nos cinco primeiros meses do ano, a aviação doméstica no país registrou queda de 8,2% em relação ao acumulado de janeiro a maio de 2015. Segundo o balanço divulgado hoje (21) pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), neste período de 2016 foram transportados 36,4 milhões de passageiros, 3,2 milhões a menos do que no ano passado.

Em maio, o volume de passageiros transportados caiu 9,9% em comparação com o mesmo mês de 2015, totalizando 6,8 milhões de viagens. A Abear representa quatro companhias que abarcam 99% do mercado doméstico de aviação – Gol (36,88%), Latam (34,77%), Azul (17,05%) e Avianca (11,31%).

No mercado dos voos internacionais, em que as empresas nacionais representam 25% da oferta, houve queda de 4,9% no número de viagens em maio, que ficaram em 544 mil.

O transporte de carga no mercado doméstico teve queda de 14,6% em maio, com 25,6 mil toneladas transportadas. No acumulado dos primeiros cinco meses do ano, foram transportadas 123,3 mil toneladas de carga, queda de 12,4% em comparação com o período de janeiro a maio de 2015.

Você pode gostar também

Nacional

Standard&Poor’s rebaixa nota de crédito e Brasil perde grau de investimento

A agência de classificação de riscos Standard & Poor’s informou hoje (9) que reduziu a nota de crédito do Brasil de BB+ para BBB-, com perspectiva negativa, o que significa

Nacional

Desemprego volta a cair e vai a 12,8%, influenciado pela informalidade

Influenciada pelo aumento da informalidade no mercado de trabalho, a taxa de desemprego do país caiu 0,8 ponto percentual, em relação ao trimestre encerrado em abril e fechou o período

Nacional

Governo Central tem menor déficit em quatro anos no primeiro semestre

A queda nos gastos discricionários (não obrigatórios) e a recuperação das receitas fizeram o Governo Central – Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central – fechar o primeiro semestre de

Deixe seu comentário