Carlos Ghosn recebe nova acusação formal da promotoria de Tóquio

Carlos Ghosn recebe nova acusação formal da promotoria de Tóquio

A promotoria de Tóquio apresentou hoje (22) uma nova acusação formal contra o brasileiro Carlos Ghosn por agravamento de abuso de confiança.

O ex-presidente do conselho de administração da Nissan é parte de uma batalha judicial desde novembro do ano passado sobre supostas irregularidades financeiras.

A promotoria acusa Ghosn de ter enviado dinheiro para uma concessionária em Omã, e que parte das divisas teria acabado nas mãos de uma empresa de fachada no Líbano, que ele próprio controla.

A promotoria aponta que a Nissan perdeu quase 5 milhões de dólares como resultado da transação.

O ex-executivo foi preso pela quarta vez no início deste mês. Ghosn nega todas as acusações.

Você pode gostar também

Auto

Volkswagen Fox 2017 traz câmera de ré e ainda mais recursos de conectividade

A Volkswagen apresenta a linha 2017 do Fox, que passa a oferecer de série mais recursos de conforto e tecnologia, tornando-se ainda mais atraente. Entre os destaques está a oferta

Auto

Venda de automóveis novos cresce 16,8% em maio, diz Anfavea

A venda de automóveis novos cresceu 16,8% em maio na comparação com o mesmo mês de 2016, com 195,56 mil unidades emplacadas, segundo dados da Associação Nacional de Fabricantes de

Auto

CCR AutoBAn e Instituto CCR promovem ações contra exploração sexual de crianças e adolescentes

A CCR AutoBAn, Concessionária que administra o Sistema Anhanguera-Bandeirantes, e o Instituto CCR realizam, a partir desta quinta-feira (18), Dia Nacional de Combate à Exploração Sexual Infantil, uma série de

Deixe seu comentário