Carlos Ghosn recebe nova acusação formal da promotoria de Tóquio

Carlos Ghosn recebe nova acusação formal da promotoria de Tóquio

A promotoria de Tóquio apresentou hoje (22) uma nova acusação formal contra o brasileiro Carlos Ghosn por agravamento de abuso de confiança.

O ex-presidente do conselho de administração da Nissan é parte de uma batalha judicial desde novembro do ano passado sobre supostas irregularidades financeiras.

A promotoria acusa Ghosn de ter enviado dinheiro para uma concessionária em Omã, e que parte das divisas teria acabado nas mãos de uma empresa de fachada no Líbano, que ele próprio controla.

A promotoria aponta que a Nissan perdeu quase 5 milhões de dólares como resultado da transação.

O ex-executivo foi preso pela quarta vez no início deste mês. Ghosn nega todas as acusações.

Você pode gostar também

Auto

Vendas de veículos automotores caem 21,5% no primeiro semestre de 2016

A quantidade de veículos automotores (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus e motocicletas) novos vendidos no primeiro semestre de 2016 totalizou 1.592.746 unidades, 21,51% a menos que o registrado no mesmo

Auto

CCR AutoBAn espera 690 mil veículos no feriado de Semana Santa

Neste feriado de Semana Santa, a CCR AutoBAn – concessionária que integra o Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo – espera a circulação de aproximadamente 690 mil

Auto

Volvo FH 460cv é o caminhão com maior valor de revenda do Brasil

O FH 460cv 6×4 é o caminhão pesado com o maior valor de revenda do mercado brasileiro, segundo estudo feito pela Agência Autoinforme em parceria com a Editora Frota e

Deixe seu comentário