Ciclovia desaba no Rio e pelo menos duas pessoas morrem

Um trecho de mais de 50 metros da ciclovia Tim Maia, construída para a Olimpíada do Rio de Janeiro, desabou na manhã desta quinta-feira em razão da ressaca que atinge a orla da capital fluminense. O acidente deixou pelo menos dois mortos e três feridos. Segundo o jornal O Globo, um dos mortos foi identificado como Eduardo Marinho Albuquerque, de 54 anos. A outra vítima ainda não foi reconhecida.

Três pessoas que caíram ao mar por causa do desabamento de um trecho da ciclovia na Avenida Niemeyer, em São Conrado, na zona sul do Rio, foram resgatadas pelo Corpo de Bombeiros e levadas para um hospital.

Segundo informou a assessoria do Corpo de Bombeiros, as vítimas não foram identificadas e, até agora, não há notícias sobre o estado de saúde delas.

A avenida foi interditada nos dois sentidos, informou o Centro de Operações da Prefeitura do Rio. Os motoristas estão sendo orientados a seguir pela Autoestrada Lagoa-Barra.

A ciclovia de quase 4 quilômetros foi inaugurada em janeiro e custou cerca de R$ 45 milhões.

Você pode gostar também

Nacional

Banco Central lança campanha para incentivar circulação de moedas

O Banco Central (BC) lançou hoje (30) campanha nacional para incentivar a circulação de moedas no país. Um vídeo que será veiculado nas mídias sociais vai mostrar à população a

Nacional

Em balanço de dois anos, governo Temer cita 83 ações

Composto por 83 itens e 32 páginas, o documento de balanço de dois anos do governo de Michel Temer, que será lançado no Palácio do Planalto nesta terça-feira (15), aponta

Nacional

Manifestantes encerram ato em Brasília cantando o Hino Nacional

Com o Hino Nacional cantado em coro, foi encerrada em Brasília a manifestação em apoio ao combate à corrupção e a favor do impeachment da presidenta Dilma Rousseff, realizada na

Deixe seu comentário