Corinthians goleia Red Bull Brasil e se classifica para a semifinal

durante o jogo realizado esta tarde na Arena Corinthians entre Corinthians/SP x Red Bull Brasil, valido pela semifinal do Campeonato Paulista 2016. Juiz: Luiz Flavio de Oliveira - Sao Paulo/Brasil - 16/04/2016. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

durante o jogo realizado esta tarde na Arena Corinthians entre Corinthians/SP x Red Bull Brasil, valido pela semifinal do Campeonato Paulista 2016. Juiz: Luiz Flavio de Oliveira – Sao Paulo/Brasil – 16/04/2016. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O Red Bull Brasil foi mais uma vítima do Corinthians na Arena em 2016. Na tarde deste sábado (16) pelas quartas de final do Paulistão, o time comandado por Tite manteve a invencibilidade atuando em casa ao golear por 4 a 0 e se classificou para a semifinal.

Como fez melhor campanha na fase de grupos, o Corinthians teve a vantagem de jogar em casa e não decepcionou os pouco mais de 37 mil torcedores. O time vai conhecer seu adversário apenas na segunda-feira (18) depois que o último classificado for conhecido.

O Corinthians começou a partida marcando o Red Bull já no campo de ataque e abriu o placar aos 16 minutos. A zaga não conseguiu afastar cobrança de escanteio de Uendel e Giovanni Augusto, na marca do pênalti, acertou um voleio no cantinho de Saulo.

Aos 39 minutos, Fagner tabelou com Elias e rolou na saída de Saulo para André apenas completar. Com 2 a 0 no placar, o Corinthians ainda quase marcou o terceiro antes do intervalo, mas Diego Sacoman tirou cabeçada de André em cima da linha. Na única finalização do primeiro tempo, Roger arriscou de longe e Cássio bateu roupa, mas a zaga afastou o perigo.

Na volta do segundo tempo, o Corinthians praticamente liquidou a partida aos 13 minutos. Alan Mineiro desarmou Drausio na entrada da área e bateu no canto de Saulo. A bola ainda acertou a trave antes de entrar. Cássio evitou o gol de honra do Red Bull em chute de Roger.

Após boa troca de passes, aos 23 minutos, Lucca recebeu de Alan Mineiro e bateu de primeira no ângulo de Saulo, que se esticou todo e não conseguiu fazer a defesa.

Você pode gostar também

Futebol

Palmeiras vence a Chapecoense e se torna o maior campeão brasileiro

22 anos depois o Palmeiras volta a levantar a taça do Campeonato Brasileiro, pela nona vez em sua história. A confirmação veio na 37ª rodada, uma antes de encerrar a

Futebol

São Paulo vence Palmeiras em casa e acaba com tabu de 12 jogos

O São Paulo enfim quebrou uma sequência de 12 clássicos sem uma vitória sequer ao derrotar o Palmeiras pelo placar de 1 a 0, em partida realizada na tarde deste

Futebol

Guerrero decide e Flamengo vence Grêmio

O Flamengo venceu o Grêmio na noite deste sábado (18) por 1 a 0. O atacante peruano Paolo Guerrero, que jogou pela primeira vez no Maracanã com a camisa do

Deixe seu comentário