Crise e queda na arrecadação faz Unicamp parar

Nesta segunda e terça-feira (23 e 24) estudantes da Unicamp promoveram uma paralisação para discutir os cortes, cotas e a educação pública. Eles são contra os cortes que a reitoria anunciou em abril que prevê um Plano de Contingenciamento na universidade.

Segundo nota da Unicamp, as atividades na área de saúde funcionam normalmente, assim como na maior parte das unidades de ensino e pesquisa.

O Sindicato dos Trabalhadores da Unicamp – STU impediu de forma intimidatória a entrada dos funcionários em alguns órgãos da administração central. Ainda de acordo com a nota, as negociações estão sendo realizadas no âmbito do Cruesp, havendo reunião marcada para o dia 30 de maio, em São Paulo.

Os cortes seriam entre 28 a 40 milhões, afetando as bolsas de permanência estudantil, congelamento de concursos públicos para professores e funcionários técnicos administrativos, revisão do contrato das terceirizadas, como previsão de demissão em massa, aumento de carga de trabalho, pois terá menos funcionários para executar as mesmas atividades. A previsão de cortes para fazer a manutenção dos prédios, diminuição nas cotas de impressão, uma série de precarização contra a educação pública.

A proposta do movimento estudantil da Unicamp é que nos momentos de crise, os cortes devem ser feitos sobre os privilégios e não sobre os estudantes.

Você pode gostar também

Limeira

Bandas da Escola Livre de Música apresentam concerto de encerramento

As bandas da Escola Livre de Música (ELM), formada por alunos de guitarra, baixo elétrico, bateria, percussão popular e coro apresentam-se neste domingo, às 19h, no Teatro Vitória. O concerto

Limeira

Primeira medalha de Ouro do Jori é conquistada por Itatiba

As competições do Jori (Jogos Regionais dos Idosos) da 4ª região do Estado de São Paulo, que acontecem em Limeira até o próximo 18, tiveram início logo após a cerimônia

Limeira

Prefeitura certifica alunos de cursos gratuitos

Na noite desta terça-feira (17), aconteceu a formatura dos cursos de Informática, Inglês, Espanhol, Oficina de Bordado e Pedraria em Chinelo oferecidos pela Prefeitura de Limeira, por meio do Ceprosom

Deixe seu comentário