Grupo criminoso que desviava dinheiro público é alvo de operação da PF

Grupo criminoso que desviava dinheiro público é alvo de operação da PF

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta quarta-feira (6) a Operação Replicantes, para combater uma organização criminosa investigada por prática de corrupção, peculato, fraudes em licitações, desvios de recursos públicos e lavagem de dinheiro, no Tocantins.

Segundo a PF, os suspeitos podem ter movimentado dezenas de milhões de reais por meio de um grupo empresarial do ramo gráfico. O esquema criminoso envolve “pessoas influentes no meio político, com poderes suficientes para aparelhar o estado, mediante a ocupação de cargos comissionados estratégicos.”

Os policiais federais cumprem dez mandados de busca e apreensão, um de prisão preventiva e dois de prisão temporária, todos expedidos pela 4ª Vara Federal no Tocantins, na cidade de Palmas.

A operação objetiva também a obtenção de novas provas, interromper a continuidade das ações criminosas, identificar e recuperar os recursos desviados.

De acordo com a PF, o nome da operação, Replicantes, faz referência ao ramo de atuação do grupo empresarial investigado e à postura de enfrentamento do grupo criminoso.

Você pode gostar também

Limeira

Pátio Limeira Shopping traz evento “Chá das Princesas”

O Pátio Limeira Shopping recebe a partir do dia 19 de maio, domingo, o evento “Chá das Princesas”. A atração inclui um chá da tarde com lanches saudáveis ao lado

Limeira

Prefeito é agraciado com medalha Governador Pedro de Toledo

O prefeito Mario Botion foi homenageado na noite da última segunda-feira (2), no teatro Nair Bello, em um evento de comemoração do 28º aniversário do 36º Batalhão da Polícia Militar

Limeira

Atividades movimentam programação de outubro nas bibliotecas

Para a alegria da criançada, as bibliotecas municipais “João de Sousa Ferraz” e “Profª Cecília Quadros” terão programação especial neste mês, quando se comemora a Semana da Criança, entre os

Deixe seu comentário