Grupo que reúne 12 países pede auditoria urgente sobre eleição na Venezuela

Grupo que reúne 12 países pede auditoria urgente sobre eleição na Venezuela

Os governos do chamado Grupo de Lima, formado por 12 países da América, incluindo o Brasil, divulgaram hoje (17) um comunicado pedindo a realização urgente de uma auditoria independente na eleição da Venezuela, ocorrida no último domingo (15). Segundo o grupo, a auditoria deve ser acompanhada por observadores internacionais especializados e reconhecidos, “a fim de esclarecer a controvérsia gerada sobre os resultados da referida eleição e conhecer o verdadeiro pronunciamento do povo venezuelano”.

A nota também aponta que as eleições, para eleger governadores dos estados, foram caracterizadas por diversos obstáculos, atos de intimidação, manipulação e irregularidades, que colocam em questão os resultados do processo. O Grupo de Lima é formado pelos governos de Argentina, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Honduras, México, Panamá, Paraguai e Peru.

Após as eleições para eleger governadores na Venezuela, os opositores questionaram os resultados, que indicaram a vitória dos candidatos governistas em 17 dos 23 estados, O governo dos Estados Unidos também questionou a legitimidade das eleições.

Acordo

O Ministério das Relações Exteriores divulgou hoje (17) a realização de um acordo entre os governos do Brasil, da Índia e da África do Sul sobre o Fundo IBAS para o Alívio da Pobreza e da Fome, com objetivo de financiar projetos de cooperação para o benefício de populações de países em desenvolvimento. Segundo o acordo, cada país vai contribuir anualmente com US$ 1 milhão para o fundo.

Você pode gostar também

Mundo

Prêmio Nobel de Literatura é concedido ao cantor Bob Dylan

O prêmio Nobel de Literatura 2016 foi atribuído a Bob Dylan, por ter criado novas formas de expressão poéticas no quadro da grande tradição da música americana, anunciou hoje (13)

Mundo

Coca-Cola interrompe produção na Venezuela por falta de açúcar

A empresa que produz a Coca-Cola na Venezuela informou que se esgotaram os estoques de açúcar refinado para uso industrial e que interrompeu temporariamente a produção de refrigerantes que contêm

Mundo

Tempestade de neve cancela 2,8 mil voos e causa morte nos EUA

Uma forte tempestade de neve está atingindo a costa nordeste dos Estados Unidos nesta quinta-feira (9) e já provocou ao menos uma morte em Nova York. O homem chamava-se Miguel

Deixe seu comentário