Indústria paulista gera 8,5 mil postos de trabalho em abril

A indústria paulista gerou em abril 8,5 mil postos de trabalho. Desses, 7,7 mil foram abertos pelo setor de açúcar e álcool. O resultado de abril representa uma alta de 0,39% na comparação com março. Na comparação com o mesmo mês de 2016, o nível de emprego teve queda de 4,32%.

No acumulado do ano, o nível de emprego na indústria paulista continua positivo, com a geração de 21 mil vagas, alta de 0,97%. Os dados, divulgados hoje (17), são da Pesquisa de Nível de Emprego do Estado de São Paulo, feita pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Abril foi o segundo mês consecutivo de resultado positivo sob a forte influência do setor sucroalcooleiro, aquecido por conta do período de safra agrícola. Apesar dos dados com viés positivo, a Fiesp não vê recuperação do emprego na indústria.

“Não há otimismo e recuperação para o emprego na indústria. O resultado ainda segue embasado pela geração de postos de trabalho no setor de açúcar e álcool, que influenciou o saldo de março e mais fortemente abril”, disse o diretor do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos da Fiesp, Paulo Francini.

Você pode gostar também

Nacional

Restituição do Imposto de Renda dá R$ 2,8 bi a 2,3 milhões de contribuintes

O crédito bancário do quinto lote de restituição de Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2017 foi liberado hoje (16). Contempla mais de 2,3 milhões de contribuintes com

Nacional

Anatel proíbe operadoras de banda larga fixa de limitar franquia de dados

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) resolveu proibir, por 90 dias, as operadoras de serviços de internet em banda larga de restringir a velocidade, suspender serviços ou cobrar excedente caso

Nacional

Bancários entram em greve a partir do dia 6 em todo o país

Os bancários de diversos estados recusaram em assembleia na noite de hoje (1º) a proposta apresentada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e decidiram entrar em greve nacional a partir

Deixe seu comentário