Juiz bloqueia contas dos presidentes da Odebrecht e da Andrade Gutierrez

Policiais federais cumprem mandados de busca e apreensão na sede da empreiteira Norberto Odebrecht, no Rio de Janeiro, como parte da 14ª fase da Operação Lava Jato (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Policiais federais cumprem mandados de busca e apreensão na sede da empreiteira Norberto Odebrecht, no Rio de Janeiro, como parte da 14ª fase da Operação Lava Jato (Tânia Rêgo/Agência Brasil)


O juiz federal Sérgio Moro determinou o bloqueio de R$ 20 milhões das contas dos presidentes da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, e da Andrade Gutierrez, Otávio Marques de Azevedo. Os dois foram presos hoje (19) na 14ª Fase da Operação Lava Jato. O valor foi bloqueado eletronicamente para garantir eventuais ressarcimentos aos cofres públicos em caso de condenação dos investigados. O bloqueio atinge as contas de mais oito investigados.

As investigações que resultaram na 14ª fase da Operação Lava Jato revelam que as empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez lideravam o cartel de empreiteiras que superfaturavam contratos da Petrobras.

De acordo com a Polícia Federal e o Ministério Público Federal, as duas empreiteiras, no entanto, diferentemente das demais investigadas, usavam um esquema “mais sofisticado” de pagamento de propina a agentes públicos e políticos por meio de contas no exterior, o que exigiu maior aprofundamento das investigações, antes do pedido de prisão dos diretores das empresas.

Você pode gostar também

Polícia

Fábrica de cobertores pega fogo em Limeira

Uma Fábrica de Cobertores que fica na rodovia que liga Limeira a Iracemápolis pegou fogo na noite desta terça-feira (16). O incêndio foi de grandes proporções e teve início por

Polícia

Homem tenta evitar roubo e é assassinado em Limeira

Um homem foi morto em sua residência no Jardim Ipanema em Limeira, na noite de segunda-feira (5), após tentar evitar o roubo de sua caminhonete. Segundo a Polícia Civil, Ageu

Polícia

Polícia do Texas mata suspeito de ataque a quartel-general em Dallas

O homem que atacou o quartel-general da polícia em Dallas, Texas, na madrugada de hoje (13), foi baleado e morto por atiradores de elite. Ele era suspeito de ter colocado

Deixe seu comentário