Justiça manda liberar Whatsapp em todo o país

O desembargador do Tribunal de Justiça de Sergipe, Ricardo Múcio Santana de Abreu Lima, deferiu hoje (3) um pedido de reconsideração do WhatsApp e determinou que o serviço seja liberado em todo o país.

A medida revoga decisão do desembargador Cezário Siqueira Neto, que havia negado o recurso apresentado pelo Facebook, dono do Whatsapp, para liberar o aplicativo.

A liberação do serviço depende agora das operadoras de telefonia, que devem ser notificadas da decisão.

O WhatsApp está sem funcionar desde às 14h de ontem, quando todas as prestadoras de serviços de telefonia móvel foram intimadas a cumprir determinação do juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto (SE), a pedido da Polícia Federal e do Ministério Público. Inicialmente, a medida valeria por 72 horas, ou seja, até as 14h de quinta-feira (5).




Você pode gostar também

Tecnologia

Amazon Web Services premia Guiabolso como startup brasileira mais inovadora de 2015

No último dia 27 de maio (quarta-feira), a Amazon Web Services promoveu a primeira edição de seu Summit para Startups, com destaque para o AWS Case Award, premiação que escolheu

Tecnologia

Crianças mantêm o hábito de ler livros mesmo na era da internet

Não é novidade que exercício e boa alimentação ajudam a prolongar a vida. Mas o que muitos ainda não sabem é que o bom e velho hábito da leitura também

Tecnologia

Usuários reclamam em redes sociais de bloqueio do WhatsApp

Os serviços de troca de mensagens pelo aplicativo WhatsApp já estão bloqueados em todo o país por determinação do juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto (SE). A medida vale

Deixe seu comentário