Limeira tem quase 200 pessoas em situação de rua

90% das pessoas que frequentam o local fazem uso de drogas. Em baixo do viaduto tem até sofá para os frequentadores.

90% das pessoas que frequentam o local fazem uso de drogas. Em baixo do viaduto tem até sofá para os frequentadores.


Em Limeira é comum ver moradores de rua. Alguns vivem sob viadutos e outros invadem imóveis desocupados e fazem ali sua moradia, gerando queixas da população e vizinhos.

De acordo com o último censo municipal, no segundo semestre de 2015, um levantamento realizado pela Equipe de Abordagem Social e Centro POP, identificou 192 pessoas em situação de rua em Limeira.

Joyce Toniatto, coordenadora do Centro Pop de Limeira, explica que, de acordo com o decreto nº.7053/09, considera-se população em situação de rua o grupo populacional heterogêneo que possui em comum a pobreza extrema, os vínculos familiares interrompidos ou fragilizados e a inexistência de moradia convencional regular, e que utiliza os logradouros públicos e as áreas degradadas como espaço de moradia e de sustento, de forma temporária ou permanente, bem como as unidades de acolhimento para pernoite temporário ou como moradia provisória.

Através do Centro de Promoção Social, o Ceprosom, essas pessoas são abordadas e orientadas a mudar de vida. Segundo ela, em caso de imóveis invadidos por pessoas em situação de rua, as abordagens também são feitas e as pessoas são orientadas: “oferecemos os serviços para que a pessoa possa escolher sair da situação em que se encontra, muitas vezes essas ações envolvem outros serviços, tratando-se de uma ação Intersetorial”, comenta Joyce.

Nessas abordagens, os profissionais procuram sensibilizar, orientar e encaminhar os usuários ao Centro POP e a rede de atendimento e estabelece vínculos respeitando os indivíduos em sua heterogeneidade, atuando junto ao Programa Crack é Possível Vencer.

Imóvel particular abriga moradores de rua.

Imóvel particular abriga moradores de rua.


Exemplos de casos como esses podem ser vistos embaixo do viaduto Laércio Corte, onde pessoas se alojaram no local e vivem ali, e em imóveis particulares, como na esquina da rua Boa Morte com Capitão Kehl no Centro, e em um frigorífico desativado na Boa Vista.

Em relação ao Viaduto Laercio Corte, Joyce conta que são realizadas abordagens frequentes ano local em ações programadas junto à Guarda Municipal, por se tratar de um público de dependentes químicos. “Temos conhecimento das pessoas que ali se encontram, sendo que 90% frequentam o local para fazer uso de drogas, mas possuem residência e não se tratam de pessoas em situação de rua”.

Serviços
O Ceprosom faz três tipos de serviços com moradores de rua em Limeira, explica Joyce. Um deles é o Centro POP, que representa um espaço de referência para o convívio grupal, social e para o desenvolvimento de relações de solidariedade, afetividade e respeito. Na atenção ofertada no Serviço Especializado para Pessoas em Situação de Rua deve-se proporcionar vivências para o alcance da autonomia, estimulando, além disso, a organização, a mobilização e a participação social.

O outro serviço é o de Abordagem Social, que é ofertado de forma continuada e programada com a finalidade de assegurar trabalho social de abordagem e busca ativa que identifique, nos territórios, situação de rua, dentre outras. Deverão ser consideradas praças, entroncamento de estradas, fronteiras, espaços públicos onde se realizam atividades laborais, locais de intensa circulação de pessoas e existência de comércio, terminais de ônibus, trens, metrô e outros.

O Serviço deve buscar a resolução de necessidades imediatas e promover a inserção na rede de serviços socioassistenciais e das demais políticas públicas na perspectiva da garantia dos direitos.

O último é a Casa de Convivência, uma unidade de acolhimento provisório, até seis meses ou de acordo com a avaliação da equipe técnica. Inserida na comunidade, com característica residenciais, e que proporcione ambiente acolhedor e respeite as condições de dignidade dos seus usuários. Deve ofertar atendimento individualizado e especializado.




/p>

Você pode gostar também

Limeira

Toffoli diz que militares fizeram “movimento”, e não golpe em 1964

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, disse hoje (1º) que prefere usar o termo “movimento” para se referir ao golpe militar de 1964. Segundo o ministro, a

Limeira

Sistema eletrônico de votação já é utilizado em 35 nações

Em todo o mundo, 35 países já utilizam sistemas eletrônicos para captação e apuração de votos. O levantamento é do Instituto Internacional para a Democracia e a Assistência Eleitoral (Idea

Limeira

Viação Limeirense promove 1ª Caminhada Verão Saudável

No dia 17 de outubro, a Viação Limeirense reuniu colaboradores e familiares para a 1ª Caminhada Verão Saudável. Os objetivos foram motivar os participantes para uma vida mais saudável e

Deixe seu comentário