Mercedes-Benz demite 370 trabalhadores que estavam em licença remunerada

A Mercedes-Benz confirmou hoje (8) que demitiu cerca de 370 colaboradores que estavam em licença remunerada desde fevereiro deste ano por “falta de atividade de trabalho”. Segundo a empresa, os demitidos fazem parte do excedente de funcionários e são aqueles que não aderiram ao Plano de Demissão Voluntária (PDV) da empresa.

Outros 300 funcionários que estavam em licença remunerada serão chamados para retornar ao trabalho. A Mercedes-Benz se comprometeu ainda a conceder estabilidade no emprego até dezembro de 2017 para os funcionários de São Bernardo do Campo.

De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, hoje foi feita uma assembleia em frente à fábrica para comunicar que representantes do sindicato se reunirão durante a tarde com a empresa para tratar da situação dos funcionários demitidos.


PARTICIPE

Quer saber tudo sobre Limeira e região? Mande um WhatsApp para o número (19) 99501-5532 e passe a receber as principais notícias e informações sobre a cidade através do aplicativo. Faça parte do Alô e convide seus amigos para participar também!




Você pode gostar também

Auto

SP adota exigência de exame toxicológico para habilitação C, D e E

A partir de agora, quem vai renovar ou obter CNH (Carteira Nacional de Habilitação) das categorias C, D e E precisa fazer exame toxicológico. A medida adotada no estado de

Auto

Por falta de peças, fábrica da Vokswagen suspende produção em Taubaté

A fábrica da Volkswagen em Taubaté, interior paulista, suspendeu hoje (16) a produção por falta de peças. Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté, as operações na unidade foram paralisadas

Auto

Prazo para licenciamento de veículos com placa final 2 termina na terça-feira

Termina terça-feira (31) o prazo para licenciamento de veículos com placas final 2 no Estado de São Paulo. O procedimento pode ser feito de forma presencial ou eletrônica. Em ambos

Deixe seu comentário