Morador reclama de terreno abandonado

Foto enviado pelo leitor.

Foto enviado pelo leitor.


O leitor Alexandre Dragone, morador do jardim São Paulo, mandou fotos do terreno ao lado de sua residência. Segundo ele, várias ligações já foram feitas para a prefeitura e até o momento, não teve retorno. Segundo Alexandre, o local não tem calçada para os pedestres e está abandonado há oito meses: “agora piorou porque o mato cresceu e é impossível usar a calcada”.

Alexandre, a Ouvidoria Geral do Município informou que não há nenhum protocolo aberto para a rua João Ferreira Viana. Para a rua Antonio Fonseca, existem diversos protocolos, mas um único para limpeza de terrenos particulares. Após fiscalização realizada in loco, em 2015, foi constatado que o terreno necessitava de limpeza e foi emitida a notificação para o proprietário providenciar a limpeza do mesmo.

É importante salientar que um mesmo problema pode se repetir, então é importante que os cidadãos, ao notarem que os problemas voltem a acontecer, entrem em contato novamente com a Prefeitura.




Você pode gostar também

Alô Bairro

Motorista reclama de cruzamento de ruas na Vila São Cristóvão

O motorista Marcelo passa todos os dias no cruzamento da rua são Vicente de Paula com a Pernambuco, na Vila São Cristóvão, e segundo ele é o maior sufoco para

Alô Bairro

Leitora do Santa Adélia reclama de falta de iluminação na rua de sua residência

Uma leitora enviou para a Redação do Alô a reclamação de alguns postes na Rua João Antônio Soares Neto, antiga Rua 17, no Jardim Santa Adélia, que estão sem iluminação

Alô Bairro

Morador reclama de carros em ponto de ônibus

A. trabalha como motorista há mais de 20 anos e está indignado com os carros estacionados em pontos de ônibus. Segundo ele, a situação acontece na cidade inteira: “Tem cadeirantes,

Deixe seu comentário