Mulheres procuram dança como terapia

03082015-IMG_6184

Foto: Bruma Rezende.

Para algumas pessoas, a dança é um hobby, mas para a maioria, é uma terapia: “A dança resgata a autoestima e com ela as mulheres aprendem a se amar e se cuidar. Qualquer pessoa pode dançar, basta querer e ter vontade”. A afirmação é da bailarina Renata Cavinato e, segundo ela, a dança constrói de dentro para fora. Renata é proprietária do Estúdio Renata Cavinato e é especializada em hip hop, uma dança urbana. Além disso, sua escola oferece aulas de jazz, balé contemporâneo, hip hop, street jazz, insanity dance, acrobatic dance e massoterapia e conta com uma nutricionista.

Há três anos no mercado, a escola inaugurou na segunda-feira, dia três de agosto, suas novas instalações, com salas mais amplas e mais professores especializados. O estúdio atende todo tipo de público: infantil, jovem e adulto e está localizado na Rua Maestro Arthur Giambelli, 193, Jd. Sta. Cecília.

Você pode gostar também

Variedades

Muhammad Ali, um dos maiores atletas do século 20, morre aos 74 anos

O lendário boxeador Muhammad Ali – um dos maiores esportistas do século 20 – morreu ontem (3) aos 74 anos. A informação sobre a sua morte só foi conhecida na

Variedades

Morre no Rio Orlando Orfei, um dos maiores nomes do circo

Fundador do Circo Nazionale D’Itália e do Tivoli Park e um dos maiores nomes do circo mundial, o artista Olrlando Orfei morreu na noite de sábado (1º) , aos 95

Variedades

Nosso Clube recebe “O maior espetáculo Bee Gees das Américas” em agosto

O Salão Social do Nosso Clube recebe no dia 6 de agosto um show do Bee Gees Alive, considerado um dos melhores covers dos originais no mundo. O trio é

Deixe seu comentário