Pandas-gigantes deixam ‘lista vermelha’ de extinção

Os pandas-gigantes não estão mais ameaçados de extinção. De acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN, na sigla em inglês), a espécie saiu da “lista vermelha” e passou a ser considerada como “vulnerável”. As informações são da Agência Ansa.

O animal, que virou símbolo dos bichos em perigo, estava ameaçado desde 1990, principalmente por causa da destruição das matas de bambu na China, seu habitat natural. Por isso, Pequim tomou medidas para a preservação da espécie, como a expansão de reservas naturais e o combate à caça ilegal.

“Os números positivos da população da espécie indicam que as medidas tomadas pelo governo chinês estão sendo efetivas”, afirmou o relatório da IUCN. A entidade comprovou 2.060 pandas-gigantes vivendo nas montanhas chinesas, um crescimento considerável em relação aos 1.864 de 2014.

A atualização da “lista vermelha” da IUCN, por outro lado, trouxe a notícia de que os gorilas passaram a ser classificados como “criticamente ameaçados”, a apenas um passo da extinção.

A população dos maiores primatas da terra diminuiu 77% nos últimos 20 anos devido à caça ilegal, e hoje calcula-se que são apenas 3,8 mil da espécie vivendo na natureza.


PARTICIPE

Quer saber tudo sobre Limeira e região? Mande um WhatsApp para o número (19) 99501-5532 e passe a receber as principais notícias e informações sobre a cidade através do aplicativo. Faça parte do Alô e convide seus amigos para participar também!




Você pode gostar também

Mundo

EUA buscam parceria preferencial em infraestrutura com o Brasil

O secretário de Comércio dos Estados Unidos (EUA), Wilbur Ross, disse hoje (1º) que as empresas norte-americanas querem ampliar a participação em projetos de infraestrutura da América Latina e, em

Mundo

Sobe para 175 o número de mortos no Japão e 87 estão desaparecidos

Autoridades japonesas informam que o número de mortes decorrentes das enchentes e deslizamentos de terra causados por chuvas sem precedentes na região oeste do país chegou a 175 e que

Mundo

Maduro diz que “ninguém o tirará” da Presidência da Venezuela

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, afirmou nessa quinta-feira (3) que “ninguém o tirará” do cargo, em alusão aos anúncios da oposição de estar procurando um meio legal para afastar

Deixe seu comentário