PF deflagra 18ª fase da Lava Jato para apurar empréstimos

polícia-federal (1)

De acordo com a PF, o foco dessa nova fase da Lava Jato é o cumprimento de medidas cautelares contra um operador, identificado após a 17ª fase Arquivo/Agência Brasil

A Polícia Federal cumpre desde o início da manhã de hoje (13) um mandado de prisão temporária e dez de busca e apreensão na 18ª fase da Operação Lava Jato, denominada Pixuleco II, termo usado em alusão ao recebimento de propina por investigados na operação. Os mandados estão sendo cumpridos em Brasília, Porto Alegre, São Paulo e Curitiba.

De acordo com a Polícia Federal, o foco dessa nova fase da Lava Jato é o cumprimento de medidas cautelares contra um operador, identificado após a 17ª fase da operação, em que foi preso o ex-ministro José Dirceu. Esse operador, segundo as investigações, seria responsável por arrecadar “valores ilícitos” de mais de R$ 50 milhões em contratos de crédito consignado no Ministério do Planejamento.

Segundo a PF, pessoas que operavam empresas de fachada confirmaram o recebimento de propina do operador.

Você pode gostar também

Polícia

Vítimas de estupro coletivo são ouvidas em Teresina

As três sobreviventes do caso de estupro coletivo em Castelo do Piauí foram ouvidas hoje (25) pela Justiça. Segundo o promotor do caso, Cesário Cavalcante, a audiência foi realizada na

Polícia

Joesley Batista e Ricardo Saud deixam a PF em São Paulo com destino a Brasília

O empresário Joesley Batista, do grupo J&F, e o executivo da empresa, Ricardo Saud, deixaram, às 10h35, a Superintendência da Polícia Federal (PF) na capital paulista. Eles saíram do prédio,

Polícia

“Chassi” das bicicletas será registrado no Boletim de Ocorrência

A partir de agora, as bicicletas roubadas ou furtadas poderão ter o número de série registrado no quadro durante o boletim de ocorrência (B.O). Dessa forma, será mais fácil identificar

Deixe seu comentário