Planalto confirma viagem de Temer em jatinho particular em 2011

Planalto confirma viagem de Temer em jatinho particular em 2011

O Palácio do Planalto divulgou hoje (7) nota na qual confirma a viagem do então vice-presidente Michel Temer em um jatinho particular em janeiro de 2011, conforme noticiado pelo site O Antagonista. A nota, no entanto, diz que Temer não sabia de quem era a aeronave.

“O vice-presidente não sabia a quem pertencia a aeronave e não fez pagamento pelo serviço”, informou a Presidência da República na nota. De acordo com a matéria de O Antagonista, o jato era de Joesley Batista, delator da Operação Lava Jato e um dos donos da empresa JBS.

De acordo com a nota divulgada pelo Palácio do Planalto, Temer usou “aeronave particular no dia 12 de janeiro de 2011 para levar sua família de São Paulo a Comandatuba, deslocando-se em seguida a Brasília, onde manteve agenda normal no gabinete”. Ainda segundo o texto, a família do então vice-presidente retornou a São Paulo no dia 14, “usando o mesmo meio de transporte”.

Você pode gostar também

Política

PF deflagra 33ª fase da Lava Jato com foco na construtora Queiroz Galvão

A Polícia Federal deflagrou na manhã de hoje (2) a 33ª fase da Operação Lava Jato, que tem como foco irregularidades cometidas pela construtora Queiroz Galvão, a terceira em volume

Política

Novo ministro diz que regulação da mídia é necessária e defende diálogo

O novo ministro das Comunicações, André Figueiredo, foi cauteloso hoje (5) ao comentar o tema de regulação da mídia, defendido por seu antecessor, Ricardo Berzoini. Segundo Figueiredo, a regulação da

Política

Nilton Santos pede divulgação dos novos radares

O vereador Nilton Santos apresentou Requerimento 489/16, questionando o Executivo a respeito das instalações dos radares fixos, cujo contrato custará aos cofres públicos R$ 11 milhões (onze milhões de reais).

Deixe seu comentário