Polícia Civil prende 18 suspeitos de assaltar casas de alto padrão em SP

A Polícia Civil prendeu 18 integrantes de uma quadrilha de roubo a residências, na manhã desta quinta-feira (23), na Capital. Com a detenção, foi possível esclarecer cerca de trinta assaltos em várias cidades do Estado.

A Operação Pequim, desencadeada após quatro meses de investigação, foi coordenada pela Delegacia Seccional de Mogi das Cruzes. A ação contou com apoio de 50 viaturas e 120 policiais de diversas unidades, incluindo agentes do Grupo de Intervenção e Resposta do Demacro (Gird).

Além das prisões, os investigadores apreenderam materiais de uma “central de comunicação” clandestina.

Com o grupo identificado, os policiais conseguiram esclarecer trinta assaltos a residências, especialmente em bairros de alto padrão, como o Morumbi, na zona leste de São Paulo.

A Polícia Civil prossegue as investigações para deter outros envolvidos já identificados.

Você pode gostar também

Polícia

PF investiga envio de dinheiro para contas de João Santana no exterior

A nova etapa da Operação Lava Jato, deflagrada hoje (22), teve oito mandados de prisão decretados, entre eles estão o do publicitário João Santana e de sua mulher, Mônica Moura.

Polícia

Pá Carregadeira é encontrada abandonada em Cordeirópolis

A Pá Carregadeira que foi roubada em plena luz do dia na última sexta-feira (15) em Limeira, foi encontrada nesta quinta-feira (21), em uma área desocupada já na cidade de

Polícia

Presidente licenciado da Eletronuclear recebeu R$ 4,5 milhões de propina, diz PF

Alvo da 16ª fase da Operação Lava Jato, o diretor-presidente licenciado da Eletronuclear e vice-almirante da Marinha Othon Luiz Pinheiro da Silva, preso hoje (28) pela Polícia Federal (PF), é

Deixe seu comentário