Prefeitura abrirá período de inscrição para o ano letivo de 2017 em Limeira

A Secretaria de Educação de Limeira informou por meio de nota que as inscrições para o ano letivo de 2017 ocorrerão de 3 a 28 de outubro. Os responsáveis pelas crianças nascidas a partir de 1º de abril de 2013, que estão fora da escola, deverão procurar a unidade escolar mais próxima para fazer a matrícula.

As vagas são destinadas para maternal 2, 1ª e 2ª etapas, e 1º ano. Para efetivar a inscrição, os responsáveis devem levar o RG, CPF, comprovante de endereço, certidão de nascimento e cartão de vacinação da criança. De acordo com o chefe de divisão de planejamento, Edgar Caldeira da Cruz, as crianças que já estão matriculadas na rede municipal de ensino, a matrícula ocorrerá de forma automática, não sendo necessária a inscrição.

“Os alunos que estão matriculados nas instituições particulares, que desejam frequentar as escolas municipais em 2017, até o 5º ano do Ensino Fundamental, também poderão fazer a sua inscrição no período informado”, explicou.


PARTICIPE

Quer saber tudo sobre Limeira e região? Mande um WhatsApp para o número (19) 99501-5532 e passe a receber as principais notícias e informações sobre a cidade através do aplicativo. Faça parte do Alô e convide seus amigos para participar também!




Você pode gostar também

Limeira

Não há como desistir de liminar sobre 2ª instância, diz ministro do STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse hoje (10) não ser possível ao autor de uma ação declaratória de constitucionalidade (ADC) desistir de um pedido de

Limeira

Cursos de hotelaria e entretenimento formam 59 pessoas

O Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Limeira (Sinhores) – em parceria com a Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Turismo e Inovação, promoveu

Limeira

Vendas do comércio caem 0,6% de abril para maio

O volume de vendas do comércio varejista nacional recuou 0,6% de abril para maio deste ano. A queda praticamente descontou a alta de 0,7% registrada na passagem de março para

Deixe seu comentário