Ritmo de inflação volta a cair em São Paulo

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) na cidade de São Paulo, apresentou variação de 0,02% na segunda quadrissemana de fevereiro, ante 0,18% na última apuração. Quatro dos sete grupos pesquisados tiveram redução, entre eles o de alimentação, que sempre pesa mais no orçamento doméstico.

Os preços dos itens alimentícios recuaram, em média, 0,4% sobre uma queda de 0,11%. As demais baixas ocorreram nos grupos: habitação (de -0,01% para -0,09%); transportes (de 0,37% para -0,06%) e vestuário (de -0,77% para -0,65%).

A maior alta foi em educação com 3,76% , mas em ritmo de diminuição de correção. Na primeira prévia do mês, esse grupo havia apresentado alta de 5,56% e, no fechamento de janeiro, de 6,51%.

Em despesas pessoais, houve pequena elevação, de 0,11%, indicando perda na velocidade de correção. Na pesquisa anterior ocorreu alta de 0,25%. No grupo saúde, a taxa voltou a apresentar aumento, ao passar de 0,79% para 1%.




Você pode gostar também

Nacional

Inpe alerta para aumento de 65% no número de queimadas florestais em 2016

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou mais de 53 mil focos de queimadas e incêndios florestais no país até sexta-feira (5) e alerta que o tempo quente e

Nacional

Diário Oficial da União publica decreto com o novo salário mínimo de R$ 937

Decreto assinado pelo presidente da República, Michel Temer, com o novo valor do salário mínimo, está publicado no Diário Oficial da União de hoje (30). O mínimo passou de R$

Nacional

IBGE: 1% da população ganha 36 vezes a renda média da metade mais pobre

Dados divulgados hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que, em 2016, 1% dos trabalhadores com os maiores rendimentos recebia por mês, em média, R$ 27.085

Deixe seu comentário