São Paulo registra queda na maioria dos indicadores de criminalidade

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação


A maior parte dos indicadores criminais apresentou queda no estado de São Paulo no mês de julho. De acordo com balanço divulgado hoje (25) pela Secretaria Estadual de Segurança Pública, a taxa de homicídios caiu para 9,25 mortes a cada 100 mil habitantes, com 274 registros. No mesmo período do ano passado, foram 332. No ano, o total registrado chegou a 930 homicídios.

O índice de estupros caiu 2,78% em julho, com 734 ocorrências. Nos sete primeiros meses do ano, ocorreu queda de 10,41%, caindo de 5.878 para 5.266. Os latrocínios (roubo seguido de morte) caíram 8,6%, com 202 registros entre janeiro e julho. Em julho, o registro foi de alta, passando de 20 ocorrências em 2014 para 25 neste ano.

Os roubos de veículos chegaram a 5.750 em julho, menos 23,1% do que em julho de 2014. Os furtos de veículos atingiram 9.261, representando queda de 8,19%. Os roubos de carga também apresentaram queda, com o indicador passando de 733, em julho do ano passado, para 590 em julho deste ano, com queda de 19,51%.

De acordo com os dados, os furtos recuaram 1,34%, reduzindo de 42.005, em julho do ano passado, para 41.444 ocorrências. Os roubos em geral caíram 2,7%, com 25.211 registros em 2015 e 25.911 em julho do ano passado. No período, os roubos a banco aumentaram de 11 para 14 casos.

Os números mostram ainda que a quantidade de prisões nos últimos sete meses cresceu 8,47%, subindo de 96.266 para 104.415. Em julho, o aumento alcançou 7,93%. Os flagrantes de tráfico de entorpecentes aumentaram 12,36%, passando de 23.727 para 26.659. O índice subiu de 3.809 em julho do ano passado para 3.986 em julho deste ano.

Você pode gostar também

Polícia

Sequestradores trocam tiros com PM no Jardim Ouro Verde, em Limeira

Um sequestro relâmpago ocorrido em Araras nesta terça-feira (12), teve seu desfecho em Limeira. Segundo informações iniciais, os sequestradores foram perseguidos pelo Grupo Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) até a cidade

Polícia

Mulher perde prazo de concurso público e falsifica atestado

Uma mulher foi denunciada por falsificar dois atestados médicos em Limeira. Segundo a Polícia Civil, F.S. teria perdido o prazo para entrega de documentos de um concurso público da Prefeitura

Polícia

Joesley Batista e Ricardo Saud deixam a PF em São Paulo com destino a Brasília

O empresário Joesley Batista, do grupo J&F, e o executivo da empresa, Ricardo Saud, deixaram, às 10h35, a Superintendência da Polícia Federal (PF) na capital paulista. Eles saíram do prédio,

Deixe seu comentário