São Paulo vence Palmeiras em casa e acaba com tabu de 12 jogos

Ganso, de cabeça, marcou o gol que garantiu a vitória do São Paulo sobre o rival Palmeiras, no Morumbi. Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Ganso, de cabeça, marcou o gol que garantiu a vitória do São Paulo sobre o rival Palmeiras, no Morumbi.
Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net


O São Paulo enfim quebrou uma sequência de 12 clássicos sem uma vitória sequer ao derrotar o Palmeiras pelo placar de 1 a 0, em partida realizada na tarde deste domingo. A equipe de Palestra Itália, por sua vez, ficará mais um ano sem vencer o rival no Campeonato Brasileiro dentro do Morumbi, acumulando 15.

Com o resultado, o Palmeiras acaba deixando o G4 e fica no meio da tabela com seis pontos. É a segunda derrota do time fora de casa. O São Paulo pula para sexto com sete.

Marcando com todos os jogadores atrás da linha do meio de campo, o Palmeiras apostou no contra-ataque e foi logo perdendo uma chance incrível de abrir o marcador. Zé Roberto roubou a bola no campo defensivo, foi até a linha de fundo e cruzou para Alecsandro. O atacante cabeceou à queima-roupa de Denis e parou na boa defesa do goleiro.

O Palmeiras seguiu apostando pelos lados de campo. E foi justamente aí que criou outra chance de perigo. Jean subiu pela direita e cruzou rasteiro. Gabriel Jesus se enrolou com o zagueiro do São Paulo e não chegou para empurrar. A resposta veio aos nove minutos. Alan Kardec tocou de calcanhar para Centurión. Vitor Hugo chegou na cobertura e facilitou a vida de Fernando Prass.

Na segunda tentativa, o São Paulo abriu o marcador. Kelvin avançou em velocidade, tabelou com Thiago Mendes e abriu Bruno pelo lado direito. O lateral cruzou, a bola quicou, encobrindo Thiago Martins, e foi na cabeça de Paulo Henrique Ganso, que só tirou de Fernando Prass para fazer 1 a 0.

Depois do gol, o Palmeiras parou e não conseguiu mais ameaçar o goleiro Denis. A equipe de Palestra Itália ficou nos lampejos de Dudu. O meia deu um belo chapéu em Wesley, enquanto o São Paulo jogava na inteligência de Paulo Henrique Ganso. O camisa 10 credenciou a partida e dava passes precisos. A defesa adversário, porém, conseguiu segurar a pressão.

Cuca fez logo duas substituições para a segunda etapa. Rafael Marques e Moisés entraram e colocaram velocidade na partida. O atacante não demorou para criar a primeira boa chance do Palmeiras ao arriscar da entrada da área para grande defesa de Denis. Com o jogo aberto, o São Paulo também chegou. Ganso tentou o chute, mas Fernando Prass espalmou.

Denis, que vinha salvando o São Paulo, por pouco não entregou o jogo. Moisés chutou, o goleiro defendeu para o meio da área e teve que dividir com Alecsandro para impedir que o Palmeiras marcasse. Depois foi a vez do time da casa ameaçar. Centurión tabelou com Ganso e mandou de cabeça para o milagre de Prass.

O camisa 1 do Palmeiras não demorou para fazer outra grande defesa. Thiago Mendes chutou de longe. Prass se esticou todo para pegar. Na sequência, após cobrança de escanteio, Maicon testou firme e viu o goleiro buscar novamente. O zagueiro ainda teve um gol anulado pela arbitragem logo depois. Depois foi só administar para assegurar o triunfo.

Na próxima rodada, o São Paulo visita o Figueirense na quarta-feira, às 21h45, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. O Palmeiras entra em campo na quinta-feira, às 21h, diante do Grêmio, no Allianz Parque, em São Paulo.




Você pode gostar também

Futebol

Assista a todos os gols da 28ª rodada

Em mais uma rodada recheada, 31 gols foram marcados em 10 jogos. A 28ª se iguala a anterior, com recorde de gols marcados. Assista aos gols de todas as partidas

Futebol

Sem estabilidade, Inter de Limeira e Guaratinguetá empatam

Inter de Limeira e Guaratinguetá ainda não conseguiram um momento de estabilidade no Paulistão A3. Após uma sequência inconstante de jogos, os dois times se encontraram no Comendador Agostinho Prada

Futebol

Independente marca no início contra o Juventus e conquista primeira vitória

O Independente conseguiu sair da lanterna do Paulistão A2 Itaipava. Na noite deste sábado, na sequência da sétima rodada, o time de Limeira derrotou o Juventus, por 2 a 0,

Deixe seu comentário