Subtenente é o 35º policial morto neste ano no Rio

Subtenente é o 35º policial morto neste ano no Rio

O subtenente Marcílio de Melo Ferreira, de 54 anos, foi assassinado na madrugada de hoje (2), durante assalto a posto de gasolina, na zona norte da cidade do Rio de Janeiro. O policial militar estava abastecendo o carro no posto localizado na Avenida Intendente Magalhães, em Campinho, quando os assaltantes perceberam que ele estava armado.

O policial lutou com os criminosos, que conseguiram roubar sua arma e atiraram contra ele. Marcílio chegou a ser levado para o Hospital Estadual Carlos Chagas, mas não resistiu aos ferimentos.

Logo em seguida, policiais militares que faziam o patrulhamento daquela avenida prenderam três pessoas que supostamente se envolveram no roubo e assassinato do policial. A Delegacia de Homicídios da Capital investiga o caso.

Marcílio, que estava na Polícia Militar há 31 anos, era casado e tinha seis filhos. Ele foi o 35º policial assassinado neste ano no estado do Rio de Janeiro.

Você pode gostar também

Polícia

Polícia identifica autor de falso toque de recolher

Nesta quinta-feira (27) a Polícia Civil prendeu o autor das mensagens anônimas que circularam pelas redes sociais na terça-feira (25). O jovem, de 19 anos, foi preso pela equipe da

Polícia

Rapaz é morto a tiros dentro do aeroporto de Porto Alegre

Um rapaz foi morto a tiros na manhã de hoje (19) dentro do Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre. O crime ocorreu no Terminal 2, onde minutos depois desembarcou

Polícia

Ex-ministro Paulo Bernardo é preso pela Lava-Jato

A Polícia Federal prendeu na manhã desta quinta-feira (23) o ex-ministro Paulo Bernardo, em Barasília. Também está sendo cumprindo mandados de busca e apreensão na casa da senadora Gleisi Hoffmann,

Deixe seu comentário