Subtenente é o 35º policial morto neste ano no Rio

Subtenente é o 35º policial morto neste ano no Rio

O subtenente Marcílio de Melo Ferreira, de 54 anos, foi assassinado na madrugada de hoje (2), durante assalto a posto de gasolina, na zona norte da cidade do Rio de Janeiro. O policial militar estava abastecendo o carro no posto localizado na Avenida Intendente Magalhães, em Campinho, quando os assaltantes perceberam que ele estava armado.

O policial lutou com os criminosos, que conseguiram roubar sua arma e atiraram contra ele. Marcílio chegou a ser levado para o Hospital Estadual Carlos Chagas, mas não resistiu aos ferimentos.

Logo em seguida, policiais militares que faziam o patrulhamento daquela avenida prenderam três pessoas que supostamente se envolveram no roubo e assassinato do policial. A Delegacia de Homicídios da Capital investiga o caso.

Marcílio, que estava na Polícia Militar há 31 anos, era casado e tinha seis filhos. Ele foi o 35º policial assassinado neste ano no estado do Rio de Janeiro.

Você pode gostar também

Polícia

Operação policial combate crimes cibernéticos em seis estados

A Polícia Civil do Rio de Janeiro cumpre hoje (17) 45 mandados de prisão contra acusados de integrar uma quadrilha nacional especializada em crimes cibernéticos e lavagem de dinheiro. Os

Polícia

Fraudes na Lei Rouanet desviaram mais de R$ 180 milhões, diz PF

Produtores culturais que integram um grupo ligado a eventos são responsáveis pelo desvio de cerca de R$ 180 milhões de recursos da Lei Rouanet, do governo federal, segundo a Polícia

Polícia

Vendavais provocam mais uma morte no interior de São Paulo

A sequência de vendavais que tem ocorrido desde o último final de semana, no interior paulista, em meio à chuva quase ininterrupta, causou ontem (6) à tarde a morte um

Deixe seu comentário